Você já deve ter ouvido falar em layouts de produção. Também denominado "arranjo físico", é uma representação gráfica do chão de fábrica. Não serve apenas como uma planta do espaço — é uma orientação sobre a disposição das máquinas dentro da indústria com o objetivo de otimizar os processos realizados no dia a dia. 

 

Afinal de contas, ter um layout de produção bem estruturado permite maior eficiência em todo o fluxo. Consequentemente, cada etapa do processo acontece mais rapidamente e logo a matéria-prima é transformada em produto final. Isso reduz o lead time da produção e do prazo de entrega, aumentando a satisfação do cliente. 

 

É com o objetivo de expandir e flexibilizar a capacidade produtiva que muitos gestores procuram formas de potencializar o layout de produção de sua indústria. Sem dúvidas, uma das formas mais eficientes de fazer isso é através de esteiras transportadoras ou transportadores industriais

 

No texto a seguir, você vai ver excelentes dicas de como melhorar o arranjo físico do seu espaço e entender melhor como as esteiras transportadoras importam na adequação do seu sistema de transporte e, assim, beneficia o seu empreendimento. 

 

O que são layouts de produção? 

A mecanização dos processos industriais vista nos últimos anos resultou em um aumento exponencial no volume da produção. Com a expansão cada vez mais necessária das indústrias, mostrou-se essencial investir na otimização dos layouts de produção

 

O objetivo deste arranjo físico é entender a melhor forma de espalhar as máquinas e equipamentos pela fábrica. Caso contrário, os colaboradores enfrentarão uma série de problemas, como maior tempo de fabricação, desperdício de espaço, atrasos na produção e maior complexidade nos processos. Logo, sem um layout de produção eficaz, a empresa inteira é prejudicada. 

 

É importante entendermos que não existe um modelo coringa: cada empresa precisa pensar no seu, para aproveitar o espaço disponível sem desobedecer as normas de segurança no trabalho previstas na NR-12. 

 

No entanto, existem quatro características que precisam estar presentes. São elas: integração com outros departamentos; flexibilidade para a implementação de novos produtos; economia de movimento; e fluxo linear, ou seja, com mínima distância possível entre as etapas do processo. 

 

Além disso, é importante saber que existem diversos tipos de layouts de produção. Cada um é mais indicado para certo tipo de fluxo, e os três principais tipos são: 

 

  • Layout fixo ou posicional: O produto permanece fixo no local enquanto máquinas e pessoas se movimentam executando as tarefas de produção;
  • Layout por processo ou funcional: Bastante utilizado quando os produtos são fabricados em fluxos de produção diferentes, porém com os mesmos equipamentos; 
  • Layout por produto ou linear: O produto se movimenta entre as máquinas e os postos de trabalho, que permanecem fixos. 

 

Como as esteiras modulares impactam o layout de produção?

Com essa visão geral sobre layout de produção, podemos prosseguir e entender como a esteira modular plástica impacta no arranjo físico. Assim como as outras soluções intralogísticas, a escolha das esteiras corretas é um dos passos para adequar as atuais linhas de produção, planejar novos layouts dentro de fábricas e otimizar os layouts de produção e movimentação interna. 

 

Parte fundamental do sistema de transporte, a esteira modular plástica COBRA é fabricada com módulos e pinos plásticos com diferentes características e propriedades. Ela é projetada para ser aplicada em transportadores retos, curvos, em elevação, com aceleração ou frenagem, permitindo a utilização de acessórios para aplicações específicas. Entre seus benefícios, podemos citar baixo peso, alta performance, fácil limpeza e instalação simplificada. Diferente das correntes de plataforma plásticas e metálicas que possuem larguras fixas devido a sua concepção, as esteiras modulares possuem uma variedade de larguras e passo nominal, atendendo, por exemplo, aplicações que vão do transporte de blister de compridos a grandes cargas de trabalho de até 4 toneladas.

 

A implementação de um sistema transportador dentro do seu empreendimento ajuda a automatizar o processo produtivo. A consequência disso está no aumento da produtividade, pois o gestor consegue definir um layout para transportar um produto entre determinados locais de maneira mais rápida e fácil. Assim, elimina ou diminui postos de trabalho desnecessários e acelera o processo produtivo como um todo.

 

A esteira transportadora modular plástica possui fácil montagem e manutenção. Caso algum módulo da esteira seja danificado, ele pode ser facilmente trocado. Isso garante um reparo em questão de minutos, minimizando o tempo perdido sem produtividade. Além disso, possui excelente custo-benefício e alta durabilidade. Um ótimo investimento para aumentar a produtividade do seu negócio!

 

Gostou das nossas dicas? Então aqui vai mais uma: a esteira modular da COBRA faz parte do extenso portfólio de soluções nacionais para movimentação em intralogística da COBRA Correntes. A empresa também oferece correntes inox, correntes plásticas e uma linha completa de componentes e acessórios para facilitar a construção de esteiras industriais. 

 

Entre em contato com a COBRA e agende já uma conversa com nosso time de sucesso do cliente.